Trabalhe a auto estima das crianças

Com espelho e contação de histórias é possível conquistar um olhar mais respeitoso entre as crianças

Adaptação web Caroline Svitras

 

Segundo a pedagoga e professora, Silmara Marracho, em relação a atual importância da Educação Infantil na formação de nossas crianças, é possível notar que o trabalho relacionado as diversidades se tornam fundamentais para a qualidade do ensino. “As crianças possuem diferenças que são notadas também no convívio escolar, como temperamento, atitudes, gênero, características físicas, habilidades e é na Educação Infantil que construímos grande parte dos valores que levamos para a vida”, comenta ela.

 

Por isso ela acredita que o professor e as escolas devem criar situações de aprendizagem, de maneira lúdica, para que a questão da diversidade seja abordada, com aprendizagens significativas que formam a personalidade da criança, deixando claro desde os primeiros anos escolares que todos são iguais. Acompanhe abaixo as atividades que ela desenvolveu em cima dessas premissas.

 

 

Primeira etapa

Cada criança deverá trazer uma foto sua. O educador, deve então, entregar para as crianças espelhos confeccionados em papel cartão ou cartolina, para serem coloridos de acordo com a criatividade da criança. Depois de colorir a foto, ela deve ser colada no centro do espelho.

Segunda etapa

Por meio de uma história e usando a criatividade, o educador inicia a contação, podendo usar ilustrações com imagens de crianças bem diferentes.

 

Cada um tem o seu jeitinho

Em uma cidade um pouco distante, vivia uma menina muito bonitinha, ela era bem branquinha e baixinha e todas a chamavam de formiguinha de neve. Ela ficava triste, pois as crianças da sua idade eram mais altas e por ser branquinha tinha uma pele muito sensível ao sol. Ela dizia aos seus amigos quando a chamavam pelo apelido:

– Meu nome é Camila!

Mas nada adiantava!

Ela estava triste com seus colegas que sempre inventavam novos apelidos para ela, e sua mãe sempre dizia:

– Não ligue minha filha, você é linda!!!

Um certo dia resolveu que ia brincar sozinha, saiu caminhando em direção a uma praça, onde bem distante viu algumas crianças brincando.

– Oba, vou fazer novas amizades – Pensou ela.

Quando estava quase chegando, percebeu que todas as crianças brincavam juntas e felizes. Ela então perguntou:

– Posso brincar com vocês?

E todos responderam:

– Simmmm, junte-se a nós!

Então eles brincaram a tarde inteira. Quando chegou a hora de voltar para casa, Camila agradeceu pela tarde feliz que teve com seus novos amigos, disse a eles que adorou:

– Obrigada amiguinhos. Estou muito feliz por me aceitarem na turma. Me trataram com respeito e não me colocaram apelidos!

Foi quando uma das crianças aproximou e disse:

– Vou te dar um presente!!!

– Um presente? – questionou.

– Sim, um espelho mágico! Todas as vezes que você se sentir diferente, faça a pergunta ao espelho!, disse a amiguinha.

– Camila pegou o presente e fez a pergunta ao espelho.

– Espelho, espelho meu, existe alguém mais bonita do que eu? (As crianças deverão também fazer a pergunta, segurando o espelho que fizeram com a foto colada)

E o espelho respondeu: (professora deverá responder)

– TODOS SÃO LINDINHOS! CADA UM DO SEU JEITINHO! Terceira etapa Ao final da história forme uma roda de conversa e cada amiguinho deve falar a qualidade do amiguinho do lado.

A atividade termina quando todos forem mencionados na roda.

 

 

Adaptado do texto “Viva as diferenças!”

Fotos: Revista Guia Prático do Professor – Educação Infantil Ed.158